sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

MEU TRIBUTO PELA VIDA DE JOÃO KOLENDA LEMOS, O PASTOR, O MESTRE, O MISSIONÁRIO...

Em Fevereiro de 1994 conheci um senhor, diretor do IBAD, que dava as ordens naquela instituição, gritava com os alunos que erravam, corria de um lado para outro levando alunos ao centro, ao hospital, à rodoviária, comprando pão para o IBAD, dando aula, etc, etc, etc. 

Era o meu primeiro ano de seminarista interno. Tinha deixado a empresa de meu pai (naquela época eu era gerente de vendas da empresa de planos de saúde e pensava em ficar rico). Porém, aos pés de João Kolenda Lemos, eu aprendi diversas coisas, na teoria e principalmente na prática: humildade, fé, dependência de Deus, visão de Reino de Deus, amor pela Palavra, paixão pela justiça, apego à verdade, etc, etc, e muitos etcs. 

Foi João Kolenda Lemos, O DIRETOR, que me deu a minha primeira escala no IBAD: a de lavador de panelas. No frio de 1994,  minhas mãos doiam, doiam, só Deus sabe. Foi ele que me tirou das panelas e me colocou na escala do Telefone, eu era o mensageiro do IBAD. 

Foi João Kolenda Lemos, O PASTOR, que me ensinou a pastorear, a saber  como aplicar a disciplina de maneira justa. Foi ele que aplicou minha primeira e única disciplina no IBAD. No segundo semestre de 1994, eu e vários alunos do IBAD, pulamos, escondidos, o muro de trás do IBAD, e fomos para Taubaté, ouvir a pregação de um grande homem de Deus. O pastor João Kolenda tinha proibido de irmos para Taubaté. No outro dia, tinha um convite para ir À CASA BRANCA. Lá, ELE ME ENSINOU O QUE É AÇÃO PASTORAL. 

Foi João Kolenda Lemos, O MESTRE que me ensinou o amor pelos livros, pela biblioteca. Amor pela Bíblia e pela leitura eu já tinha, mas nas aulas de biblioteconomia, a  minha paixão pelos livros cresceu e muito. Com os seus ensinos nas aulas de Geografia Bíblica, de Teologia Pastoral, eu, respeitosamente anotava os detalhes de seus ensinos que só os que têm ouvidos espirituais conseguem perceber. 

Foi João Kolenda Lemos, O MISSIONÁRIO, que me ensinou na obra de Deus o principal objetivo não deve ser enriquecer, ter posses, ter poder e nome. Ele nunca foi rico, não usava o nome que tinha para se promover, nunca colocou o dinheiro como prioridade, pelo contrário, MUITAS DAS VEZES EU VI ELE DAR O QUE TINHA PARA ALUNOS, PARA A OBRA MISSIONÁRIA. 

Foi João Kolenda Lemos, O HOMEM DE FÉ, que me ensinou que fé é fator fundante para que Deus atue, opere e entre com providência. No meu primeiro ano, o IBAD tinha pouco dinheiro, e a sopa de franco quase que não se via o frango. Quem desejasse comer frango tinha que ser o primeiro da fila. Porém, mesmo em meio à dificuldades, Ele JAMAIS DEIXOU UM ALUNO PARAR DE ESTUDAR POR FALTA DE DINHEIRO.  Eu mesmo foi um desses alunos, que, muitas das vezes, com a falta de dinheiro até para sair de Pinda, ele me permitiu ficar no IBAD, nas férias de julho, de dezembro, janeiro e fevereiro, para pagar a mensalidade. Por isso eu não desisti de estudar.

Foi João Kolenda Lemos, O HOMEM DE DEUS,  que mais do que ninguém soube separar instituição de obra de Deus. Para ele, as pessoas tinham mais valor do que a instituição IBAD, por isso, ele jamais colocou o IBAD acima dos alunos, acima das pessoas, ele sempre valorizou gente, ovelha, obreiros. 
Foi João Kolenda Lemos, O PREPARADOR DE OBREIROS, que deixou enraizado em meu espírito que um dos maiores objetivos do homem de Deus é PREPARAR OBREIROS PARA LEVAR AVANTE O SEU ENSINO.  Ele lutava pela excelência, não aceitava trabalho mal feito, ação sem compromisso. Por isso eu me dediquei, mais do que muitos, para buscar a excelência. Enquanto muitos alunos liam só um livro, ou dois, para fazer um trabalho, eu lia dez, 12. Lutei para fazer o melhor possível para a obra de Deus. 

Ele ensinou e viveu humildade, perseverança, fé, compaixão, benignidade, coragem, etc, etc. 

A, eu não poderia me esquecer de JOÃO KOLENDA, O PAI.  Eu fui aluno nos últimos anos de João Kolenda como diretor do IBAD, e posso dizer que conheci o João Kolenda, o pai. Depois dessa época (1994 e 1995), os alunos não tiveram o privilégio de conhecer esta característica do patriarca Kolenda, por isso eu sou privilegiado. Ele pensava em tudo: o sustento dos alunos; os remédios na farmácia do IBAD; a saúde de seus educandos; etc.Poucos tiveram o privilégio de serem cuidados pelo João Kolenda Lemos. Quando eu falo, cuidado, é cuidado mesmo, porque ele não era somente o diretor do IBAD, ele agia como PAI DOS IBADIANOS. 

Por tudo isso, em 2010, eu fui o autor da homenagem do Comitê da Mobilização Social Pela Educação de Pinda, ao pastor João Kolenda Lemos (ver foto abaixo). A foto acima, mostra eu e minha esposa, Maria Rosa, com o patriarca Kolenda, no auditório da FAPI (Faculdade de Pinda), local da homenagem.  


Aquela homenagem foi muito pouco diante do que o pastor João Kolenda Lemos representa para mim, para meu ministério, para minha família. Por isso, eu só posso, agora, RENDER UM TRIBUTO A DEUS PELA VIDA DO PASTOR JOÃO KOLENDA LEMOS, MEU MESTRE, MEU SEGUNDO PAI.  

Oro a Deus para que levante homens como João Kolenda Lemos, O FUNDADOR, O VISIONÁRIO, aquele que deu um outro rumo à Teologia no Brasil, especialmente às Assembleias de Deus.

Abaixo está a última foto que tirei com o  pastor Kolenda, em 23 de junho de 2012, no pátio da Assembléia de Deus, Belém. 

João Kolenda se foi, mas eu, João Moreno fico, para fazer oh Deus, a tua vontade.  Você, que lê este tributo, permanecerá, para lutar em favor da obra, da verdade, da salvação de almas. 

A DEUS TODA A GLÓRIA. 

João Moreno de Souza Filho. 


domingo, 2 de dezembro de 2012

O ENCONTRO DO PALÁCIO DO PLANALTO COM O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL


Gostei tanto do texto abaixo que decidi reproduzí-lo na íntegra. 

"O sorriso e o esgar". Por Augusto Nunes

A foto de Dida Sampaio é mais que o registro do momento em que Dilma Rousseff, presidente da República há quase dois anos, cumprimentou o ministro Joaquim Barbosa, que acabara de assumir a presidência do Supremo Tribunal Federal. A imagem documenta a colisão frontal, estridentemente silenciosa, entre sentimentos antagônicos.

O chefe do Poder Judiciário es
tá feliz. A chefe do Poder Executivo está contrafeita, nas fímbrias da amargura. Joaquim Barbosa é o anfitrião de uma festa. Dilma Rousseff é a conviva involuntária que nada tem a festejar. Ele se sente em casa e pensa no que fará. Ela pensa no que ele anda fazendo e se sente obrigada a enviar um recado fisionômico aos condenados no julgamento do mensalão: se pudesse, estaria longe dali.

Só ele sorri. O sorriso contido informa que o ministro não é homem de exuberâncias e derramamentos. Mas é um sorriso. Os músculos faciais se distenderam, os dentes estão expostos, o movimento da pálpebra escava rugas nas cercanias do olho esquerdo. O que se vê no rosto da presidente é um esgar. A musculatura contraída multiplica os vincos na face direita, junta os lábios num bico assimetricamente pronunciado e desvia o olhar do homem à sua frente.

O descompasso das almas é sublinhado pelas mãos que não se apertam. A dele ao menos se abre. A dela, nem isso. Dilma apenas toca Joaquim com a metade dos quatro dedos. Ele cumprimenta como quem chegou. Ela cumprimenta como quem não vê a hora de partir.

Conjugados, tais detalhes sugerem que, se Joaquim Barbosa sabe que chefia um dos três Poderes independentes, Dilma Rousseff imagina chefiar um Poder que dá ordens aos outros. O julgamento do mensalão já deixou claro que não é assim. A maioria dos ministros é imune a esgares. Os que temem carrancas nem precisam disso para atender aos interesses do governo. Não são juízes. São companheiros.

O QUE O LULA TEM A VER COM A SECA NO NORDESTE?

 O Nordeste enfrenta uma das piores secas, porém, porém...
 AS OBRAS PARA A TRANSPOSIÇÃO DO SÃO FRANCISCO ESTÃO PARADAS.   
 E O QUE O LULA TEM A VER COM ISSO?
 Em seu governo teve início as obras para a transposição do São Francisco que foram anunciada como "a salvação para o Nordeste."
 Porém...As obras que começaram em 2007, com o valor estimado em R$ 4,5 bilhões, já custam, hoje, mais de R$ 8 bilhões. 
 Porém... AS OBRAS ESTÃO PARADAS, NO EIXO LESTE...
 E Lula não foi na região dá satisfação aos nordestinos que sofrem com a seca;
 O PT, não foi ao Nordeste, após as eleições presidenciais de 2010, pedir paciência ao povo nordestino.
 O povo do Nordeste precisa se conscientizar e não só votar no PT, mas cobrar mais respeito.

POLÍTICA X IGREJA


segunda-feira, 26 de novembro de 2012

O PODER DA INTERCESSÃO DOS PAIS X A INUTILIDADE DIANTE DAS N...


Benedita Barbosa,  mãe do Presidente do STF Joaquim Barbosa, disse que seu filho é "um batalhador que traçou o próprio caminho." 
Ela é da Assembléia de Deus há 45 anos e, como mulher de Deus, deixou claro que  tem o costume de orar, diariamente pelos seus filhos ao dizer o que fez pelo seu filho ilustre: “O que eu dei foi oração, ele lutou por conta própria”, 

De fato, cumpre-se o que a bíblia diz no Salmo 127:4 - "Como flecha na  mão do valente, assim são os filhos da mocidade", ou seja, os pais têm o poder de dar direcionamento à vida dos filhos. 

Benedita Barbosa deu direcionamento em oração, de joelhos diante de Deus. 

Ao contrário dela, muitas mães (também muitos pais) ignoram a oração; acham cafonice se ajoelhar para orar. Elas PREFEREM GASTAR TEMPO DIANTE DAS NOVELAS TODOS OS DIAS.  São, literalmente, milhares de horas por ano gastas no inútil, no fútil, naquilo que não aproxima de Deus nem fortalece a família. 

Não é de admirar porque, hoje, milhões de jovens se enveredam pelas drogas, pela violência, etc, etc. Se essas mães seguissem o exemplo da mãe do ministro Joaquim Barbosa, o Brasil seria diferente. 

Por João Moreno de Souza Filho.

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

A REFORMA DA REFORMA


Hoje, o mundo cristão, especialmente o mundo evangélico, comemora o dia da REFORMA PROTESTANTE, dia no qual o desconhecido monge MARTINHO LUTERO afixou, suas 95 Teses na porta da Catedral de Wittemberg, na Alemanha, precisamente em 31 de outubro de 1517.

Não querendo criticar a Igreja Católica, de hoje, religião na qual tenho muitos amigos sinceros, tementes a Deus, mostrarei, a seguir, que em suas teses Lutero:

1) se posicionava contra a VENDA DE INDULGÊNCIAS PARA A SALVAÇÃO;

2) foi claro ao afirmar que as pessoas NÃO PRECISAVAM DE UM SACERDOTE PARA SER MEDIADOR ENTRE ELAS E DEUS, na verdade, o RELACIONAMENTO COM DEUS É DIRETO, PARTICULAR;

3) FEZ UMA RUPTURA ENTRE O PODER RELIGIOSO E O POLÍTICO, na verdade, ele inaugurou uma nova igreja livre das tradições e da influência política da religião católica da época.

4) Inaugurou um caminho para que toda a população tivesse acesso à Bíblia Sagrada, livro no qual os cristãos poderiam confrontar as “verdades” religiosas pregadas. Por isso que até hoje é costume dos evangélicos levar bíblia para o culto. Ir à igreja sem bíblia é SINÔNIMO DE DESRESPEITO À PALAVRA DE DEUS E Á PRÓPRIA LITURGIA.

5) Etc.

Passaram-se mais de 500 anos da Reforma de Lutero, e olhando para o cenário evangélico, VEJO QUE HOJE, AS IGREJAS EVANGÉLICAS ESTÃO QUASE IGUAL À IGREJA CATÓLICA DO SÉCULO XVI. Vejam os motivos.

1) COBRANÇA PELAS BENÇÃOS DIVINAS - Elas não vendem indulgência, mas muitas delas “cobram” pelas bênçãos. Dizem, seus “pastores”: Quanto mais você der dinheiro, mas abençoado vc. Será. E O povo, que não confronta os ensinos com a bíblia, é enganados.

2) A POLITIZAÇÃO DA IGREJA - Elas não TÊM O PODER POLÍTICO, porém, muitas delas agem COMO SE FOSSEM PARTIDOS POLÍTICOS, PIOR, muitas delas, EM NOME DE DEUS, têm a coragem de implantar PARTIDO POLÍTICO EM REUNIÃO DE OBREIROS, como se fosse a maior vontade de Deus para uma reunião ministerial. TUDO ISSO EM NOME DA AUTORIDADE MINISTERIAL, EM NOME DA SANTIDADE DE DEUS. Há igrejas que usam seus templos como base de partido, em época de campanha eleitoral. Bom, precisamos saber se Deus concorda com isso.

3) PAPAS EVANGÉLICOS - Elas não têm um PAPA, mas muitos pastores agem como se fossem mini-papas. Eles são inquestionáveis, não erram, e quem se posiciona é considerado como “REBELDE”. Ou seja, hoje, ser rebelde não é CONTRADIZER A BÍBLIA, mas CONTRADIZER A AUTORIDADE MINISTERIAL, MESMO QUE ELA ESTEJA ERRADA. Isso é papado em gral elevado, mas, em nome de Deus e com a vestidura evangélica.

4) O SILÊNCIO DA VERDADE – Os cristãos do século XVI não criticavam o PAPA, pois ele era, de acordo com a teologia católica, “o representante de Deus”, logo, criticar o papa era o mesmo que ofender Deus. Essa cultura silenciou os cristãos. Isso acontece hoje em muitas igrejas evangélicas. Quem critica um pastor por seus atos errados, é tido como UM REBELDE, ou seja, a rebeldia que TEOLOGICAMENTE FALANDO É IR CONTRA OS PRINCÍPIOS BÍBLICOS E MINISTERIAIS, hoje, é, tal como nos tempos de Lutero, interpretada como critica à autoridade. BASEADA NESTA INTERPRETAÇÃO O PAPA PERSEGUIU LUTERO. BASEADOS NESSA INTERPRETAÇÃO, MUITOS PASTORES EVANGÉLICOS USAM SEU PODER PARA SILENCIAR PROFETAS DE DEUS.

5) MORTE AOS PROFETAS – A Igreja católica mandou matar Lutero, e matou e perseguiu muitos outros pré-reformadores como Savanarola, John Huss. Hoje acontece o mesmo em muitas igrejas evangélicas. QUEM SE SILENCIA DIANTE DOS ERROS DE MUITOS PASTORES, é aproveitado, tem oportunidade, NÃO IMPORTA SE TEM CHAMADA  MINISTERIAL E TALENTO. Quem se posiciona contra erros, é ENCOSTADO, PERSEGUIDO, INGNORADO, ISSO É UMA FORMA DE MATAR UM MINISTRO DE DEUS.

6) OS BENEFÍCIOS DO PODER EM NOME DE DEUS - No tempo de Lutero os papas e os bispos viviam em verdadeiro luxo. Toneladas de ouro ornavam os templos, etc, etc. Não é diferente hoje em muitas igrejas evangélicas, nas quais pastores VIVEM COMO EMPRESÁRIOS, ganham mais do que DEPUTADOS E SENADORES, E ATÉ DO QUE A PRESIDENTE DA REPÚBLICA, tudo em nome de Deus e do silêncios dos membros dessas igrejas. Muitos pastores vivem em condomínio de luxo, e ainda pregam a humildade para um povo que sustenta esses desmandos. Isso eu chamo de HIPOCRISIA PURA. Muitos pastores usam suas posições para se TORNAREM EMPRSÁRIOS, COMERCIANTE. Usam suas influências para serem abençoados financeiramente. Jesus não ensinou isso NEM OS APÓSTOLOS VIVERAM COMO ELES VIVEM. COMO ELES PODEM INFLUENCIAR OS MINISTROS A VIVEREM DO MINISTÉRIO SE ELES USAM SUAS POSIÇÕES PARA TEREM BENEFÍCIOS POLÍTICOS E FINANCEIROS?

7) PERTO DO PAPA, PERTO DA RIQUEZA – Nos dias de Lutero, quem estava próximo ao PAPA, quem se calava diante dos desmandos políticos e morais do papado, tinha todos os benefícios das ofertas do povo. Vivia no luxo. Hoje, nas igrejas evangélicas, é só ser filho de pastor, que terá o futuro garantido; basta se calar diante dos erros, que terá a posição garantida; é só se silenciar, que terá o salário, garantindo, não importa em muitas igrejas, se toma uma cervejinha, ou se fuma uma vez ou outra. BASTA ESTAR PRÓXIMO DO PODER. O contrário acontece com quem tem posicionamentos firmes a favor da verdade, contra o erro. OU seja, hoje, não se valoriza o ministério pela prédica, pelo posicionamento em favor da verdade, mas pelo posicionamento que terá diante do poder. Silêncio e concordância, parentesco, são sinônimo de “benção de Deus”.

8) A HIERARQUIZAÇÃO DA VERDADE - O PAPA, NO TEMPO DE LUTERO, não aceitava nenhuma crítica de pessoas que estivesse abaixo dele. Isso acontece no evangelicalismo, hoje. Aconteceu comigo, em 2005. Nesta época eu enviei, para todos os pastores presidentes das convenções ligadas à CGADB, um artigo com o título: A POLÍTICA X O SAGRADO: Colocar o Humano no Sagrado é Profanar o Sagrado. Um pastor, amigo meu, disse para mim: “olha, eu, na minha posição, não tenho coragem de falar o que você disse. É preciso estar em uma posição ministerial para ser ouvido.” Quase que eu dizia para ele: É por isso que há muitos erros, porque você poderia agir como profeta, mas em nome de sua posição, DO SEU CONFORTO, SE CALA.

9) A RELATIVIZAÇÃO DA ÉTICA – A Ética no tempo de Lutero estava sendo relativizada pela autoridade religiosa católica. Hoje, em muitas igrejas, pastores relativizam a ética; criam caixa 2; sonegam impostos; não declaram todos os seus ganhos à Receita Federal. SE EU TIVER ALGUMA PROVA DISSO, PRÓXIMO A MIM, EU DENUNCIAREI. Talvez por isso eles não me querem perto deles, PORQUE PARA MUITOS DELES NÃO IMPORTA O SEU CONHECIMENTO BÍBLICO, SEU TALENTO, mas o seu comportamento diante do poder: Se você procura fazer tudo certo e de maneira justa, ou se você se silencia. ISSO É FRUTO DA PARTIDARIZAÇÃO DE MUITAS IGREJAS, que falarei no próximo tópico.

10) A PARTIDARIZAÇÃO E A POLITICAGEM NAS IGREJAS EVANGÉLICAS – Quando um líder religioso toma partido de algum tema ou situação, ele, naturalmente, LEVANTARÁ OPOSIÇÃO POLÍTICA DAQUELES, NA IGREJA, QUE TÊM OUTRA VISÃO . Isso é aceitável quando a posição é EM FAVOR DA VERDADE E DA ÉTICA, porém, quando isso se direciona a um partido específico, ou a um grupo específico, ISSO GERA DIVISÃO NA IGREJA, E A FUNÇÃO DO PASTOR, EM SUA POSIÇÃO MINISTERIAL, É SER PASTOR, PASTOREAR A TODOS. Dividirei este tema em dois para melhor compreensão didática.

a. A PARTIDARIZAÇÃO POLÍTICA – Nas igrejas evangélicas há pessoas de diversas correntes políticas. O PASTOR DEVE PASTOREAR AS ALMAS DE TODOS. Porém, em época de campanha eleitoral, muitos pastores agem mais COMO PRESIDENTE S DE PARTIDOS do que como pastores. Eles não aceitam o contraditório, eles agem como que se DEUS TIVESSE UNGIDO ELES COMO PASTORES, PAR A DIRECIONAREM, PARTIDARIAMENTE, O POVO DE CRISTO. Isso é um GRANDE ERRO, pois a UNÇÃO PASTORAL TEM OBJETIVOS ESPECÍFICOS, O QUE FOGE DOS OBJETIVOS BÍBLICOS, SÃO OBJETIVOS INSTITUCIONAIS E DENOMINACIONAS, E ELES NÃO PODEM SE SOBREPOR AOS OBJETIVOS BÍBLCOS PARA O MINISTÉRIO PASTORAL.

b. A PARTIDARIZAÇÃO MINISTERIAL – Essa é PIOR DO QUE A PARTIDARIAÇÃO POLÍTICA, pois divide o próprio ministério E GERA CONSEQUÊNCIAS CATASTRÓFICAS NA IGREJA. Isso acontece, hoje, CLARAMENTE, NA CGADB, convenção da qual eu sou membro. HÁ DOIS GRANDES GRUPOS: O grupo do pastor José Wellington Bezerra da Costa, GRANDE HOMEM DE DEUS, e o grupo do pastor Samuel Câmara, outro GRANDE HOMEM DE DEUS.

Os dois têm história, ação em favor do povo, são pastores dinâmicos, porém muitos dos que defendem o pastor José Wellington como Presidente da CGADB não reconhecem os pontos positivos do pastor Samuel Câmara. muitos (eu disse muitos,  não todos) dos que estão do lado do pastor Samuel Câmara, também não exaltam os pontos positivos do pastor José Wellington. ASSIM, A CONVENÇÃO ESTÁ DIVIDIDA EM DUAS, E EM SUAS REUNIÕES  PRINCIPAIS, o maior ato, não são os estudos bíblicos, os direcionamentos evangelísticos para a igreja Assembléia de Deus no Brasil, MAS A ELEIÇÃO DA MESA DIRETORA.

Isso é tão real, que a eleição é sempre deixada para o final, e após ela, a maioria dos ministros já estão prontos para voltarem para suas cidades. Penso que se a eleição fosse no primeiro dia, NÃO HAVERIA MINISTROS NO ÚLTIMO DIA.

Tudo isso se dá por causa da PARTIDARIZAÇÃO MINISTERIAL. Por causa dela, gasta-se milhões em passagens aéreas, comida, hospedagem, só para garantir o voto. OBJETIVOS MINISTERIAIS REAIS PASSAM LONGE DE MUITOS PASTORES QUE SÓ MIRAM O PODER.

Acredito que haverá pessoas que me criticarão por esse artigo, MAS EU ESTOU ABERTO ÀS CRÍTICAS, DESDE QUE ELAS SEJAM BÍBLICAS, OU SEJA, SE ME PROVAREM QUE EU ESTOU ERRADO, NA BÍBLIA, QUE A PARTIDARIZAÇÃO POLÍTICA E MINISTERIAL É VONTADE DE DEUS; SE ME PROVAREM QUE DEUS QUER QUE OS PASTORES VIVAM COMO EMPRESÁRIOS, ENQUANTO QUE AQUELES QUE SE POSICIONAM PASSEM A CATAR LATINHA PARA SOBREVIVER, COMO DIZEM ALGUNS PASTORES QUE VIVEM MUITO BEM, SE ME PROVAREM ISSO NA BÍBLIA, EU ME RETRATEREI.

Eu sei também que alguns dirão que eu não deveria me posicionar, NA INTERNET. Bem, onde deveria me posicionar? Na casa dos meus críticos? Seria considerada, esta atitude,  rebelião pelos próprios críticos. Na igreja? Será que os pastores abririam os púlpitos para eu fazer esta crítica? Duvido, hoje, só tem valor, no mundo evangélico, pregador que faz o povo chorar, pular, SENTIR A GLÓRIA, isso é o que tem valor na maioria dos púlpitos evangélicos.

Lembro que Martinho Lutero se POSICIONOU PUBLICAMENTE, OS PROFETAS VETERO-TESTAMENTARIO TAMBÉM SE POSIONAVAM CONTRA OS REIS, OS PROFETAS FALSOS E ATÉ CONTRA OS SACERDOTES (MINISTROS NA ÉPOCA), NAS PRAÇAS PÚBLICAS. QUALQUER POSICIONAMENTO EM FAVOR DA VERDADE QUE NÃO SEJA PÚBLICO DEVE SER QUESTIONADO.

Por tudo que escrevi acima digo que AS IGREJAS EVANGÉLICAS PRECISAM DE UMA REFORMA DA REFORMA, UMA REFORMA RADICAL, que mude a estrutura de relacionamento entre os ministros, que levem os membros a valorizarem mais a Deus do que as instituições. Nessa reforma é necessário lembrar que DEUS NÃO VALORIZA INSTITUIÇÃO RELIGIOSA. É só olhar para o Templo, QUE ELE MESMO CONSAGROU, que foi entregue, pelo próprio ALTÍSSIMO, aos pagãos.

DEUS VALORIZA PESSOAS, VIDAS NO ALTAR, HUMILHAÇÃO, SANTIDADE, VIRTUDES MINISTERIAIS E BÍBLICAS. Essas coisas têm mais valor do que as instituições religiosas e suas tradições.

Parto para a conclusão dizendo que, todos os que são beneficiados por um sistema, jamais aceitarão críticas ao sistema, pois a desconstrução deste sistema implica em prejuízos para eles.

Concluo com um texto bíblico, que revela os MAIORES OBJETIVOS DO CRISTIANISMO:

EFÉSIOS 3:16-21

“Oro para que, segundo as RIQUEZAS DE SUA GLÓRIA, vos conceda que sejais fortalecidos com poder pelo seu Espírito no homem interior, para que Cristo habite pela fé nos vossos corações. E oro para que, estando arraigados e fundamentados em amor, possais perfeitamente compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade, e conhecer o amor de Cristo...a ele seja a glória, na igreja, e em Cristo Jesus, por todas as gerações, para todo sempre, amém.”

SOMENTE ATINGINDO OS OBJETIVOS DO TEXTO ACIMA PODEMOS REFORMAR A REFORMA E COLOCAREMOS O IDEAL MINISTERIAL ACIMA DO IDEAL POLÍTICO E PARTIDÁRIO, PESSOAL E INSTITUCIONAL.

obs. Essas minhas críticas não se direcionam a uma igreja específica. Hà centenas delas, muitas delas neo-pentencostais, que pisam na ética evangélica tradicional que existe há séculos, que não observam o exemplo das igrejas tradicionais e históricas, que QUEREM TRAZER O VELHO TESTAMENTO PARA OS DIAS DE HOJE, QUE USAM PRÁTICAS ESPÍRITAS EM SEUS RITUAIS, COMO POR EXEMPLO, PISAR NO SAL, PASSAR POR PORTAIS ESPIRITUAIS, ETC.

João Moreno de Souza Filho.
Evangelista CGADB.
Prof. de Teologia.
Escritor.
Jornalista.
Psicopedagogo.

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

PELA INTEGRALIDADE DO EXERCÍCIO DOS VEREADORES DE PINDA

  Na eleição de ontem, 07 de outubro, a população de Pinda escolheu os seus representantes para Câmara Municipal pelos próximos 04 anos.  São eles:
]Toninho da Famácia;
  Professor Eric;
  Magrão;
  Ricardo Piorino;
  Doutor Marco Aurélio;
  Professor Osvaldo;
  Cal;
  Jânio;
  Roderley Miotto;
  Felipe Cesar;
  Martim Cesar.

  Nesse grupo há POLÍTICOS PROFISSIONAIS, MÉDICOS, EMPRESÁRIOS, PROFESSORES, ETC.
  Eu fiz uma campanha, nesta eleição, para que os futuros Vereadores de Pinda, VENHAM A EXERCER SEUS MANDATOS, INTEGRALMENTE, OU SEJA, DE SEGUNDA À SEGUNDA, E NÃO SOMENTE ÀS SEGUNDAS FEIRAS.
 Critiquei diversos vereadores que trabalham em seus consultórios de terça à sexta, e têm a exercício de Vereador COMO UM SEGUNDO EMPREGO.
 Isso é prejudicial pois a cidade de Pinda, pelo tamanho que tem e pela sua grandiosidade econômica exige que os vereadores:

 Acompanhem de perto as obras da Prefeitura;
 Fiscalizem os atos do Prefeito;
 Analisem as compras, os contratos, as licitações, etc;
]Elaborem Leis, analisem os Projetos de Leis enviados pelo Executivo;
 Façam requerimento, etc, etc.
 Atendam os munícipes, visitem os bairros;
 Um dia só, ou seja, segunda, NÃO DÁ, logo, a população fica órfão do Vereador.

Por isso, eu gostaria de desafira a esses novos Vereadores a SE COMPROMETEREM PUBLICAMENTE QUE TRABALHARÃO, INTEGRALMENTE, COMO VEREADORES, E SE TRABALHAREM SÓ NAS SEGUNDAS FEIRAS, QUE NÃO RECEBERÃO O SALÁRIO DO MÊS TODO.

Desafio os médicos a se posicionarem, publicamente, dizendo se eles priorizarão seus consultórios ou a Cãmara;

 Desafio os empresários a se posicinarem, publicamente, se darão prioridade às sua empresas, ou se estarão à disposição da população diariamente, de segunda à sexta. ESSE DESAFIO VAI PARA TODOS OS VEREADORES ELEITOS DE PINDA.

Eles poderão me criticar dizendo que isso não é possível, pois, o médico não poderá deixar de ser médico, o empresário não poderá abandonar sua empresa, etc, etc.

PERGUNTO: POR QUE VOCÊS NÃO DISSERAM ISSO À POPULAÇÇÃO DURANTE O PROCESSO ELEITORAL?
POR QUE VOCÊS NÃO DISSERAM QUE SÓ ESTARIAM DISPONÍVEL ÀS SEGUNDAS FEIRAS?

Já sei , vocês não disseram por que se  fizessem isso, não seriam eleitos.

Mas vocês prometeram que:
estariam à disposição da população;
lutariam para analisar os contratos, as licitações;
se esforçariam para fiscalizar as obras da Prefeitura, visitar os bairros, atender a população, etc, etc.

COMO VOCÊS FARÃO ISSO SÓ NA SEGUNDA FEIRA? NÃO SERÁ UM TRABALHO CORRIDO E MAL FEITO?

Por isso eu luto pelo MANDATO INTEGRAL DOS VEREADORES DE PINDA e Desafio todos os Vereadores a se posicionarem sobre isso: Se esse ideal é o correto, é justo, ou se é correto e jjusto o Vereador só estar à disposição na segunda feira.

João Moreno de Souza Filho,
(prof. João Moreno).

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

PROF. JOÃO MORENO FALA, AO SENADO, CONTRA A LIBERAÇÃO DA PRODUÇÃO E DO CONSUMO DA MACONHA

O Senado Federal fará uma matéria sobre a PLS 236/12, que visa liberar a produção e o consumo da maconha.

Eu já enviei meu pensamento para o Senado. Veja abaixo o que eu escrevi.


Prezado Jornalista Marcos Reis, boa tarde.

Em primeiro lugar, parabéns pela oportundade que o Senado abre para ouvir a sociedade.

Eu sou João Moreno de Souza Filho, Ministro do Evangelho nas Assembléias de Deus, Jornalista,

Psicopedagogo, Escritor, Editor da Revista O Farol.

Sou TERMINANTEMENTE contra a (PLS 236/12), por diversas razões:

1) É uma Lei que não satisfaz às reais necessidades do Brasil. O Congresso gasta dinheiro com Leis que não resolvem os problemas essenciais do Brasil nas áreas: segurança, saúde, habitação, justiça, educação, reforma política, etc.

2) A liberação do plantio e do consumo da maconha, não ajudará os jovens, que hoje não têm limites.
3) Se esta Lei for aprovada, não há provas de que ela ajudará a família, fortalecerá o relacionamento entre pais e filhos, etc.

4) A aprovação desta Lei fortalecerá os que defendem o consumo das drogas. Os que faziam isso às escondidas, passarão a defender o consumo à luz do dia, nas praças públicas.

5) A liberação do consumo, fortalecerá, ainda mais, o ativismo pró-drogas, e isso, para os adolescentes, que vivem uma fase onde as emoçõe  estão muito afloradas, serão presas fáceis, pois eles não são maduros para se posicionarem, racionalmente, contra o apelo emotivo da propaganda pró-uso de drogas. O NÚMERO DE USUÁRIO QUE É GRANDE, SERÁ MULTIPLICADO, NÃO HAVERÁ CONTROLE. OS PAIS QUE SOFRERÃO AS CONSEQUÊNCIAS.

6) O aumento do uso de drogas ecoará nas escolas, agora, COM O APOIO DA LEI. Os professores não terão moral, peso, estruturas psicológicas, legais, sociais   para lutarem contra o uso das drogas.

7) Ao fortalecer a produção e o consumo das drogas, O GOVERNO, ENFRAQUECERÁ, todas as lutas contra as drogas. Pelo menos no campo do combate teórico. SERÁ UMA BARBÁRIE SOCIAL

SEM PRECEDENTES.

Concluo dizendo que NUNCA VI UM GOVERNO TÃO LIBERAL COMO ESTE, DO PT.

Ao  invés de fazer um plano para diminuir o consumo das drogas, SE CALA DIANTE DE UM PLANO PARA AMPLIAR O CONSUMO.
Ao invés de fazer um plano para diminuir os abortos, APOIOU UM PLANO PARA LIBERAR O ABORTO,
 etc, etc, etc.

Atenciosamente,



João Moreno de Souza Filho

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

URGENTE! VOTE CONTRA A LIBERAÇÃO DAS DROGAS! DIGA NÃO AOS SENADORES LIBERAIS!

QUEREM LIBERAR A PRODUÇÃO E O PORTE DE DROGAS NO BRASIL!

ISSO SÓ PODE SER MAIS UMA IDEIA DOS LIBERAIS DESSE GOVERNO E DO CONGRESSO!

ABSURDO! SERÁ A LEGALIZAÇÃO DA DESTRUIÇÃO DAS PESSOAS, DA FAMÍLIA!

DIGA NÃO! VOTE NÃO! GRITE NÃOOOOO!


Entre, abaixo, no lik do Senado e VOTE NÃO!


VOTE AQUI CONTRA AS DROGAS

VOTE NA ENQUETE NO CANTO SUPERIOR DIREITO DO SITE DO SENADO. É SÓ CLICAR NO LINK ACIMA.


VAMOS REAGIR CONTRA OS LIBERAIS.

A SUA PARTICIPAÇÃO TAMBÉM É UM SERVIÇO SOCIAL EM FAVOR DA ÉTICA E DA VIDA!


A VOTAÇÃO VAI SÓ ATÉ AMANHÃ. NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

Abraços.

Prof. João Moreno.

segunda-feira, 2 de julho de 2012

O DEUS EXECUTIVO E O SEMIDEUS LEGISLATIVO


A cultura política dos brasileiros e a constante ênfase da mídia aos chefes do Poder Executivo faz com que haja uma desequilíbrio entre os poderes, onde o Poder Executivo é supervalorizado e o Poder Legislativo é renegado a um plano inferior.

Essa lógica perversa da política brasileira faz com que, nos jornais, nas revistas e nas televisões, as matérias principais sobre a eleição de 2012 sejam os candidatos a Prefeito: Serra, Haddad, Russomano,  Soninha etc, em São Paulo. Em Pindamonhangaba, as matérias principais, inclusive nas redes sociais, é sobre Vito Ardito e Torino, principais candidatos a Prefeito da cidade.

Nessa babel política, não se ouve falar no Vereador, no papel da Câmara de Vereadores, na importância do Vereador para a cidade, ou seja, o vereador é um extra-terrestre político.


Isso  é prejudicial pois, metaforicamente falando, o Executivo é transformado na divindade absoluta, no “deus” dos poderes, e o Legislativo, bem, o Legislativo é um demiurgo, um ser que emana do Executivo, um semideus (sem o hífem conforme o novo acordo ortográfico).

Qual é o resultado disso na política brasileira: muitos postulantes aos cargos do legislativo se semtem  sempre inferior aos postulantes dos cargos do Executivo.  Após a eleição, eles agirão como servos do Poder Executivo, como empregados do Executivo.

Esse comportamento de subordinação ao Poder Executivo se expressa, de maneira muito forte, em Brasília, no relacionamento do Congresso Nacional com o Palácio do Planalto. Lá, os Deputados chamados governistas, o que é um erro, pois Deputado deveria ser do povo, rezam na cartilha de seus partidos, obedecem, literalmente e fielmente às orientações da Presidente, PASMEM, SEM QUESTIONAR, SEM TENTAR MODIFICAR O PENSAMENTO PALACIANO.  Na verdade eles são mais “empregados” do Executivo do que Deputados.


Ouvi, de um líder de um dos partidos do Governo, no Congresso,  não me lembro o nome agora, que disse à imprensa: “Deputado da base aliada não pode votar contra o Governo.” Vejam o verbo: Não pode.  Ou seja, ele está lá não para ser Deputado, mas para ser eco do palácio do planalto.

Esse comportamento, no qual o Legislativo ecoa a voz do Executivo está presente nos Estados e nos municípios. Mas a culpa é da população, que ao valorizar mais o cargo do Poder Executivo, enfraquece o papel do Poder Legislativo.

Pensando nisso, no dia 23 de março deste ano, eu postei, aqui, um artigo sobre a importância do Poder Legislativo. Nele eu falei que o Vereador é aquele que deve fiscalizar o Prefeito, aprovar o orçamento do município, acompanhar as obras da Prefeitura para ver se está tudo correndo conforme a Lei e o programa, representar a população junto ao Prefeito, criar Leis que beneficiem todos os cidadãos, oferecer instrumentos para que o Prefeito governe de maneira eficiente, etc.

O que eu gostaria de chamar a atenção da população, com este artigo, é que, o cargo mais importante numa cidade não é o de Prefeito, mas o de Vereador. No Estado, a função mais importante é a de Deputado Estadual. Na federação o poder mais importante é o Poder Legislativo.

Sem o Poder Legislativo o Prefeito não prefeita eficientemente, o Governador não governa de maneira eficaz e o Presidente não terá um mandato forte.
Por isso, é importante que a população se comprometa, desde já, a olhar, nessa próxima eleição, para os postulantes ao Poder Legislativo, pois dependerá deles o desenvolvimento da cidade.


Prof. João Moreno de Souza Filho.

domingo, 1 de julho de 2012

MEU PRESENTE DE ANIVERSÁRIO: 10.000 "BINÓCULOS"


     No dia 09 de julho será o meu aniversário, porém, hoje, no dia primeiro do mês, eu já ganhei meu presente antecipado: 10.000 ACESSOS NESTE MEU BLOG, O FAROL. 
      Este blog e resultado do blog, RIQUEZA E SABEDORIA PARA A ALMA, que esteve na página Pinda Vale, em 2006, e que saiu do ar por conta da Lei eleitoral, em 2006, quando fui candidato a Deputado Federal.
       Aqui eu exponho meus pensamentos sobre Teologia, educação,religião, meus artigos pessoais, minhas críticas, etc. É verdade que não dá para tornar esta página num compêndio de Teologia e Filosofia, por diversas razões: seria cansativo pois teria uma linguagem pesada para a maioria dos leitores, e seria desinteressante do ponto de vista da objetividade e praticidade. 
       Do ponto de vista jornalístico, procuro relatar os fatos como aconteceram, e passar, de maneira simples, as opniões das pessoas que entrevisto. Uma das entrevistas que teve muito elogio foi a que eu fiz com o Prefeito João Ribeiro. Nela, de maneira simples, consegui passar, sem retoques, o pensamento do Prefeito sobre a cidade. Click aqui e leia a entevista com o Prefeito João Ribeiro.
         De todas as postagens, as mais visualizadas foram:
          QUARTO LUGAR - 133 VISUALIZAÇÕES:  Prof. João Moreno é eleito para representar o Estado de São Paulo em Brasília - Click aqui e leia a matéria.
           TERCEIRO LUGAR - 227 VISUALIZAÇÕES - Uma foto com a minha família.Click aqui e veja a foto.
           SEGUNDO LUGAR - 300 VISUALIZAÇÕES Brasil 2020 50% evangélico. Click aqui e veja a matéria.
            PRIMEIRO LUGAR - 327 VISUALIZAÇÕES - A Importância da alimentação Para o Aprendizado -  Click aqui e leita a matéria.
            As postagens mais emocionantes para mim foram a que eu fiz sobre o Projeto Guri, que sairia do Salesiano e não teria para onde ir, dessa forma, os alunos de diversos bairros ficariam sem aula.
            No dia 19 de junho eu postei a matéria sobre a tristeza pelo fim do Projeto Guri do Santana. Eu fiz um esforço, entrei em contato com a diretoria do Projeto Guri e o Presidente da Assembléia de Deus, pastor Euclides Vaz Júnior, e no dia 22 eu publiquei uma reportagem sobre isso. Porém, a mais emocionante delas, foi a  matéria que eu fiz no dia 27 de junho com o desfecho do caso, mostrando, no título, minha alegria por ter conseguido levar o Projeto Guri para a igreja Assambléia de Deus. Click aqui e leia a matéria.
        Agradeço a todos que apoiam e incentivam este meu trabalho. Sei que não é perfeito, mas é a minha forma de refletir e pensar a sociedade. 

        Um abraço a todos. 

   Prof. João Moreno.

sábado, 30 de junho de 2012

Ricardo Piorino quer armar a guarda municipal, João Ribeiro discorda, prof. João Moreno concorda com o Prefeito,


No dia 12 deste mês, em audiência pública na Cãmara de Vereadores, ficou claro a divergência entre dois pontos de vista.

De um lado está o Presidente da Cãmara, o Vereador Ricardo Piorino, que é a favor de que a guarda municipal seja armada. Para Piorino, isso dará mais segurança à população e fará com que o crime organizado tenha medo de vir para a cidade. Em síntese, a cidade ficará mais segura.

Do outro lado está o Prefeito João Ribeiro, que é terminantemente contra armar a guarda municipal. Para João Ribeiro, isso fará com que bandidos tomem as armas dos guardas, poderá colocar pais de famílias em risco, no combate ao crime organizado.

No meio deste fogo cruzado encontra-se o Vereador Abdala Salomão, que me disse concordar com o Prefeito. Para Salomão, se a guarda municipal estiver bem organizada, padronizada, com presença na cidade, isso imporá respeito e dará a sensação de segurança.
Abdala Salomão cobra o aumento
do efetivo da PM. Para ele,
não é necessário armar
a guarda municipal. 

Eu, professor João Moreno, entendo as intenções o Vereador Ricardo Piorino. Uma guarda municipal, bem preparada e armada, sem dúvida impõe respeito. Porém, é preciso que hoje, não há condições para isso, por diversas razões:

1) Um policial  militar, para começar a usar a arma na rua, passa por um rigoroso treinamento de dois anos. Logo, se houver um projeto desse, levará, para ser implementado, no mínimo 03 anos.
2)
 Sobre o treinamento, que prepara o guarda para usar a arma em serviço, há  perguntas a serem feita: QUEM TREINARÁ A GUARDA MUNICIPAL PARA USAR ARMA? HÁ ORÇAMENTO PREVISTO PARA ISSO? 
3) Para um guarda municipal andar armado, ele não poderá andar sozinho, pois haverá o risco de a arma ser roubada. Isso implicará na ampliação do efetivo, para que os guardas andem em grupo, sem prejuízo para a proteção do patrimônio da cidade,
 o que gerará mais custos. 
4) João Ribeiro está em fim de mandato, por isso ele não se ariscará a mandar um projeto desse tipo, que é de iniciativa do executivo.

Um dos caminhos para melhorar a segurança de Pindamonhangaba é a ampliação do efetivo da PM, e da polícia civil, o que foi cobrado, na audiência, por diversas pessoas, inclusive pelos vereadores Ricardo Piorino e Abdala Salomão.

Um outro caminho para a diminuição da violência, que foi dito por miim aos presentes na audiência do dia 12, é a utilização do potencial educativo das igrejas evangélicas e católicas para os adolescentes de 12, 13, 14 anos, etc. As EBDs das igrejas evangélicas têm estrutura para educar os adolescentes e encaminhá-los para um caminho longe das drogas e da violência.
Na Câmara Municipal eu falei que se os adolescentes
participaram das Escolas Bíblicas Dominicais das
Igrejas Evangélicas, isso ajudaria a
diminuir a violência na cidade. 

O tema é complexo, amplo e não pode ser fechado nessas minhas poucas palavras, pois, sabemos, que o embrião da violência está na família, onde muitos pais não acompanham seus filhos e não colocam limites nem exercem a autoridade paterna. Porém, quero aqui me posicionar a favor de uma guarda municipal eficaz, bem preparada, uniformizada, presente em vários locais da cidade, porém sem armas.


Por Prof. João Moreno de Souza Filho.

sexta-feira, 29 de junho de 2012

FURO DE REPORTAGEM - PINDA RECEBERÁ MAIS DE UM MILHÃO DE REAIS PARA A PROTEÇÃO DA RESERVA DO TRABIJÚ

Pinda receberá mais de UM MILHÃO DE REAIS para a proteção e a conservação da reserva do Trabijú.

O anúncio foi dado hoje, em primeira mão, pelo , na reunião de encerramento oficial do Pinda + 20, na Prefeitura.

De acordo com o secretário de Governo,  Arthur Ferreira dos Santos, a reserva terá patrulhamento 24 horas, evitando, assim, o roubo de palmito, animais nativos.

Por João Moreno de Souza Filho.

EVANGÉLICOS CRESCEM E PODEM PASSAR DE 50% DA POPULAÇÃO BRASILEIRA EM 10 ANOS


As igrejas evangélicas, com seus cultos com uma
liturgia dinâmica, atraem milhões de brasileiros. 

De acordo com o censo do IBGE de 2010, os evangélicos eram, naquele ano, 22,2% da população, perfazendo um total de 42,3 milhões de fiéis.

Esse crescimento tem mudado a cara do Brasil em diversas áreas: política, social, religiosa, cultural, etc. 

Do ponto de vista político, a participação evangélica cresceu muito, é só olhar a última eleição: uma candidata evangélica levou a eleição presidencial para o segundo turno e a bancada evangélica no Congresso Nacional é a maior da história. 

Se os evangélicos ampliarem sua ação no Brasil e crescerem 10% ao ano, ou seja, menos de 1% ao mês, em 2020 a maioria da população brasileira será evangélica.
O gráfico acima, extraído do portal UOL,  editoria cotidiano, de 29 de 06 de
2012, mostra que os evangélicos passaram de 15,4% em 200
para 22,2% da população, em 2010.

É só analisar o gráfico abaixo e ver que isso é  possível, basta as igrejas evangélicas porem em prática o plano de crescimento que eu coloco no meu livro de Evangelismo, Planos Estratégias e Práticas, publicado pelo IBAD. 

Nas próximas postagens eu falarei as razões do decrescimo católico e do crescimento evangélico e as consequências que isso tem para a economia e a cultura brasileira. Será uma análise do ponto de vista da Sociologia da Religião, matéria que lecionei no IBAD (Instituto Bíblico das Assembléias de Deus), em Pinda, no bairro do Santana, por mais de 07 anos. 

Acima, uma projeção do crescimentos dos evangélicos,
se eles crescerem a uma taxa de 10% ao ano. Para isso
seria necessária uma ampliação da ação
evangelizadora, o que é fácil para as
igrejas fazerem. 



Prof. João Moreno de Souza Filho.



ARQUEÓLOGOS AFIRMAM, COM 99,9% DE CERTEZA, QUE LOCALIZARAM A ARCA DE NOÉ


Um grupo de arqueólogos chineses e turcos afirmam ter localizado a bíblica Arca de Noé no topo do Monte Ararat, na Turquia, segundo informa nesta terça-feira, 27, a imprensa local.
Um dos membros do grupo, o documentarista chinês Yang Ving disse que foi localizada uma estrutura de madeira antiga a uma altitude de 4 mil metros no Ararat, que está localizado próximo à fronteira com o Irã.
O explorador, membro de uma organização internacional dedicada à busca da mítica embarcação em que Noé e sua família escaparam do dilúvio, afirmou que os vestígios encontrados datam de 4.800 anos atrás.
"Não é 100% seguro que seja a Arca, mas avaliamos que é 99,9%. A estrutura do barco tem muitos compartimentos e isso pode representar os espaços onde os animais foram acomodados", disse Ving em declarações à agência de notícias turca Anadolu.
O especialista também informou que o grupo entrou em contato com o governo da Turquia para pedir proteção ao local onde será feita as escavações e adiantou que solicitará à Unesco que inclua essa região na lista de patrimônios da humanidade.
Não é a primeira vez que um grupo de arqueólogos afirma ter encontrado a Arca de Noé no Monte Ararat, o mais alto da Turquia, onde a Bíblia narra que Noé desembarcou após as águas baixarem depois do Dilúvio.


VAMOS ESPERAR AS ESCAVAÇÕES PARA VER. 
Prof. João Moreno de Souza Filho.

quarta-feira, 27 de junho de 2012

VIVA! CONSEGUI. PROJETO GURI JÁ TEM CASA NOVA

     Na matéria Tristeza pelo fim do Projeto Guri do Salesianos, eu mostrei que os alunos, os pais dos alunos, os professores, estavam tristes com o fim da parceria do Projeto Guri no Salesianos. Eles estavam, no dia 19 de junho, sem ter para onde ir.
     Em outra matéria, falei da minha luta para conseguir lugar para o Projeto Guri. Ver o link Prof. João Moreno conseguiu lugar para o Projeto Guri.
      Pois bem, hoje eu posso dizer que O PROJETO GURI ESTÁ DE CASA NOVA.  A minha luta foi recompensada.
       Ontem, foi firmado o acordo do Projeto Guri com a Assembléia de Deus. Eu participei da inspeção das novas salas.

Andréia Ferreira, centro, líder dos núcleos do
Projeto Guri do Vale do Paraíba, em
reunião com o pastor Euclides Vaz Júnior.
        Fico feliz porque a partir de agosto próximo, os alunos do Santana, Crispim, Bosque, Alto Tabaú, etc,
poderão continuar seus cursos.
        É importante resaltar que o Projeto Guri tentou um novo local por seis meses, porém não conseguiu. Em menos de 48 horas, com a ajuda do pastor Euclides Vaz Júnior, Presidente da Assembléia de Deus, Belém, o local estava praticamente escolhido.
        Parabéns a todos, ao pastor Euclides, à direção do Projeto Guri, aos internautas dos Grupos do Face Book,  Pinda Cidadã e Muda Câmara de Pinda que me incentivaram nesta luta.



    Para o pastor Eclides, o Projeto Guri tem um valor social muito grande, pois, além de inserir os jovens no mundo da música, ajuda-os a ter disciplina e perspectiva de um futuro melhor. Pastor Euclides não se esqueceu de falar da vocação musical da Assembléia de Deus, em seus cultos, onde há hinos, louvores com bandas musicais, e isso já faz com que a vocação musical seja quase que natural na vida de muitos adolescentes e jovens.
     Agora eu posso dizer: A tristeza converteu-se em alegria. ISSO É UMA VITÓRIA PARA A CIDADE DE PINDAMONHANGABA! NÓS NÃO PODEMOS ABANDONAR OS QUE TRABALHAM PARA O BEM, SOZINHOS, À MINGUA!

      Parabéns PROJETO GURI!

Da esquerda para a direita: Sula Braz, Andreia Ferreira (projeto Guri),
eu, prof. João Moreno e pastor Cristopher Godoy,
inspecionando as novas salas do Projeto Guri.
        Um abraço a todos.

       Prof. João Moreno de Souza Filho.

terça-feira, 26 de junho de 2012

PROF. JOÃO MORENO LUTA POR PSICOPEDAGOGOS NAS ESCOLAS PÚBLICAS - VEJA AS RAZÕES

"O Psicopedagogo é a peça que falta nas escolas públicas,
para auxiliar e fortalecer o trabalho dos professores"
Prof. João Moreno.
Em outubro de 2011, eu enviei, pelo prof. e Ministro Parlamentar do Brasil no Parlamento Internacional da Educação e Diretor da FAPI, Luís Otávio Palhari, um ofício ao Senador Cristovam Buarque, solicitando a aprovação da Lei que reconhece a profissão de Psicopedagogo. SEGUE ABAIXO O OFÍCIO COM AS RAZÕES APRESENTADAS.
Exm° Senador Cristovam Ricardo Cavalcanti Buarque.


Tendo em vista que vivemos a realidade da inclusão na qual os alunos com problemas de disgrafia, discalculia, déficit de atenção, etc, devem estudar nas mesmas salas com os demais alunos;

Levando em consideração que esta inclusão gera um esforço muito maior da parte dos professores para que eles possam ministrar aulas que sejam aplicáveis a todos os alunos;

Aceitando a verdade de que a maioria dos professores não estão preparados para trabalhar com alunos que apresentem as dificuldades apresentadas no primeiro parágrafo;

Reconhecendo que o ato de ensinar é muito dinâmico, cansativo, o que tira tempo dos professores para se dedicar à compreensão da aprendizagem dos alunos com problemas familiares, emocionais e neurológicos;

Ciente da realidade de que a dinâmica escolar é muito estressante para os professores, pois além de terem que lhe dar com a carga horária prolongada, ainda se vêem diante do desrespeito dos alunos e da não valorização dos pais e da sociedade;

Tendo em vista que o tempo que o professor leva para: SE DESLOCAR PARA A ESCOLA, PREPARAR AULA, MINISTRAR O CONTEÚDO, AVALIAR ALUNO, ETC, torna impossível a dedicação deles visando a solução dos problemas de aprendizado de centenas de alunos;

E aceitando o fato de que um profissional em Psicopedagogia, que esteja fora da dinâmica da sala de aula, tem mais tempo e estar mais preparado para avaliar e detectar fria e criticamente os problemas de aprendizagem na escola;

Solicito, humildemente, a V. Exª que SEJA ENVIADO AO CONGRESSO NACIONAL, UM PROJETO DE LEI QUE OBRIGUE OS ESTADOS E MUNICÍPIOS A CONTRATAREM PSICOPEDAGOGOS COM FORMAÇÃO NA ÁREA INSTITUCIONAL PARA ATUAREM, DIRETAMENTE, NAS UNIDADES ESCOLARES QUE TENHAM A PARTIR DE 200 ALUNOS.

Esta solicitação se deve ao fato de que a Psicopedagogo, em suas atribuições, age nas seguintes áreas:

1. intervenção psicopedagógica, visando a solução dos problemas de aprendizagem, tendo por enfoque o indivíduo ou a instituição de ensino público ou privado ou outras instituições onde haja a sistematização do processo de aprendizagem na forma da lei;

2. realização de diagnóstico e intervenção psicopedagógica, mediante a utilização de instrumentos e técnicas próprios de Psicopedagogia;

3. utilização de métodos, técnicas e instrumentos psicopedagógicos que tenham por finalidade a pesquisa, a prevenção, a avaliação e a intervenção relacionadas com a aprendizagem;

4. consultoria e assessoria psicopedagógicas, objetivando a identificação, a compreensão e a análise dos problemas no processo de aprendizagem;

5. apoio psicopedagógico aos trabalhos realizados nos espaços institucionais;

6. supervisão de profissionais em trabalhos teóricos e práticos de Psicopedagogia;

7. direção de serviços de Psicopedagogia em estabelecimentos públicos ou privados;

8. projeção, direção ou realização de pesquisas psicopedagógicas.

9. AÇÃO PREVENTIVA NAS ESCOLAS, DETECTANDO E PREVININDO POSSÍVEIS AÇÕES QUE PREJUDICAM O APRENDIZADO DOS ALUNOS;

10. AÇÃO INTERVENTIVA AJUDANDO OS PROFESSORES E A DIREÇÃO DAS ESCOLAS NA MUDANÇA DE PRÁTICAS QUE PREJUDICAM O APRENDIZADO DOS EDUCANDOS;

Grato pela sua atenção parabenizo V. Exª pelo vosso esforço em favor da educação no Brasil.

João Moreno de Souza Filho.
Professor, Jornalista e Psicopedagogo.


POR QUE VOCÊ SOFRE - Uma visão teológica sobre o sofrimento

    Muitas pessoas culpam a Deus pelos seus sofrimentos.  Porém elas  precisam saber que o sofrimento é resultado do pecado. Elas deveriam conhecer, também, que há diversos tipos de sofrimento: consecutivo, punitivo,  corretivo, instrutivo, e redentivo e, ainda há o sofrimento preventivo.  Ao estudarmos cada um deles, veremos que Deus os utiliza, muitas vezes, para corrigir o homem, e que cada um deles tem causas e objetivos específicos.
     O  sofrimento consecutivo éresultado dos erros do próprio homem. Um exemplo disso são as enfermidades causadas pelo vício, pela ingestão de alto teor de gordura, e até mesmo pelas más ações dos homens, como, por exemplo, a mentira, a calúnia e a desobediência às leis humanas e divinas. Ele  está dentro da lei da semeadura Gl. (6.7,8): “...Tudo o qeu o homem semear, isso também ceifará.”
O sofrimento corretivo pode ser a ação de Deus para levar o homem a deixar suas más ações. Provérbios (3.11) diz: “Filho meu, não rejeites a disciplina do Senhor, nem te enojes da sua repreensão. Porque o Senhor corrige aquele a quem ama, assim como o pai ao filho a quem quer bem” .
      Um outro tipo de sofrimento, o punitivo, é aplicado por Deus, ao homem, quando esse não quer deixar a impiedade e a perversidade. 
Há, ainda, os sofrimentos instrutivo e redentivo. O sofrimento instrutivo é assim chamado porque ele não acontece como resultado de erros do homem ou da ira de Deus, mas  ele é permitido pelo Altíssimo com o objetivo de nos ensinar. Através dele Deus revela facetas de seu caráter, do seu poder e da sua sabedoria. Um exemplo desse sofrimento é encontrado em Marcos (4.35-40), no qual observamos os discípulos em meio a uma tempestade e como Jesus a acalmou. Essa ação de Cristo deixou os discípulos surpresos, pois não sabiam que Jesus podia acalmar uma tempestade. Vemos com isso que o Mestre utilizou um sofrimento (a tempestade) para ensinar algo aos discípulos (sua capacidade de acalmar tempestades).  O sofrimento redentivo, por sua vez, tem por objetivo beneficiar alguém, uma outra pessoa. O maior exemplo desse tipo de sofrimento é a morte de Cristo que nos salvou. Um outro exemplo encontramos nas perseguições causadas pela pregação da Palavra. Aqui os pregadores sofrem para salvar vidas do pecado, isso é um sofrimento redentivo. 
Se você está passando pelo sofrimento instrutivo e redentivo, louve a Deus. Agora, se você sofre como consequência de seus atos, de suas decisões erradas, repense sua vida e mude de direção. Aqui, não adianta criticar Deus.


João Moreno de Souza Filho é
evangelista nas Assembléias de 
Deus, escritor, prof. de teologia, 
Jornalista, Psicopedagogo.

segunda-feira, 25 de junho de 2012

SER HUMANO OU SER ANIMAL?

     Na minha casa o terreno é dividido em duas partes: uma onde fica a casa, e outro, separado por um muro e que é acessado por um portão, onde há terra, etc. Essa parte de terra é bem maior do que o espaço onde fica a casa, que é cimentado.
    Eu tenho duas cachorras, uma da raça bacê e outra é uma labradora. As duas têm o costume de ficar, à noite, do lado de cá do terreno, onde não há terra, onde fica a casa.
     Só que eu resolvi, deixá-las, pelo dia, do outro lado do terreno, pois estavam entrando pessoas para cheirar crack.
   Quando eu abro o portão, elas ficam felizes, correm, fazem buraco no chão, mas essa euforia canina dura, no máximo, 30 – 40 minutos.
   É só eu e minhas filhas entrar para casa, deixar elas no terreno maior, que elas começam a chorar, gritar, para voltar para o lado cimentado, que é bem menor. NÃO ADIANTA, elas preferem a parte menor do terreno do que a maior.
   Por que isso acontece? Porque do lado de cá elas se sentem “em casa”, tem o cheiro do xixi delas, o cheiro delas no local que elas passam a noite. Mesmo o lado do terreno que é de terra sendo bem maior, elas preferem, o lado menor do terreno. É o extinto canino.
   Isso me fez refletir sobre MUITOS SERES HUMANOS que há por aí que agem como cães. Como minhas cadelas eles preferem a parte menor do terreno à parte maior; eles preferem o pior ao melhor; preferem o de menor valor ao de maior valor.
   Eles preferem o pecado à santidade; preferem o charco da mentira ao rio da verdade; preferem a poça da prostituição, do adultério ao mar da fidelidade e da pureza; preferem estar no pequeno terreno das drogas, do crack à ficarem livre nas campinas da liberdade de Deus.
   Mas por que isso acontece? Eles não são seres humanos, racionais? Sim, mas eles estão presos pelo pecado, longe de Deus, e como animais não conseguem se libertar.
   Se as minhas cadelas pudessem avaliar, elas prefeririam ficar na parte maior do terreno, mas isso é impossível. Da mesma forma, muitos não conseguem avaliar quem são, não sabem a importância que tem, por isso, agem como animais.
   A questão central neste texto não está no tamanho das coisas, mas as escolhas de muitas pessoas, que mais parecem não serem escolhas de seres racionais. POR EXEMPLO, Adriana Nones, é racional escolher o aborto à vida? É humano escolher matar, assassinar...? É humanamente explicável as pessoas morrerem pelas drogas? Está havendo racionalização. MITA GENTE ESTÁ AGINDO PIOR DO QUE MUITOS ANIMAIS. Portanto, este texto deve ser entendido alegoricamente.
   Um outro ponto das minhas cadelas que eu quero ressaltar é: Elas são fiéis a mim, defendem sua espécie. No mundo humano eu vejo o contrário: muitos são infiéis e, pior, destroem seus parceiros e amigos, por orgulho, ganância.
   Para elas eu deixo o texto do Salmo 08, que mostra que o homem é a coroa da criação de Deus, e por isso não deveria, jamais, estar preso às drogas, ao pecado, à mentira, à prostituição. Vejamos o que o texto diz:

  “Quando contemplo os teus céus, obra dos teus dedos, a lua e as estrelas que estabeleceste,

que é o homem ara que dele te lembres? E o filho do homem, para que o visites?

Contudo, pouco abaixo de Deus o fizeste; de glória e de honra o coroaste...”

Viu? O homem foi coroado, por Deus, de glória e de honra. Logo, não há razão para ele agir como animal.
O ser humano é a coroa da criação de Deus, por isso
deveria tomar decisões racionais e não se desvalorizar
nas drogas.

   Se você não consegue abandonar a parte do terreno menor e ficar na maior parte; se você não tem forças para deixar o lamaçal das drogas para ir ao rio da liberdade; se você se encontra fazendo aquilo que não gostaria de fazer, lembre-se Deus te criou e pode te libertar, fazer você agir como um ser humano, criado à imagem e semelhança de Deus.

    Procure uma igreja, fale com o pastor, peça oração, DEUS TE LIBERTARÁ E TE EXALTARÁ.


VOCÊ É A COROA DA CRIAÇÃO DE DEUS.

Por prof. João Moreno de Souza Filho.

QUERO COMPRAR O LIVRO DECIFRANDO OS CÓDIGOS DO MAL

Código para o site