sábado, 2 de junho de 2012

JOÃO RIBEIRO QUEBRA O SILÊNCIO E FALA À REVISTA O FAROL!

João Ribeiro sendo entrevistado por João Moreno: "A cidade
não pode parar, pra frente é que se anda."
     O Prefeito João Ribeiro está no último ano do seu segundo mandato. No dia 10 de maio ele recebeu, em seu gabinete, o Jornalista e prof. João Moreno para uma entrevista cujo tema principal foi o desenvolvimento de Pinda nos últimos 08 anos. Tranquilo, com voz mansa e seguro, João Ribeiro fez um balanço de suas duas gestões à frente da Prefeitura.


     Nos quase 30 minutos de entrevista  João Ribeiro falou sobre diversos temas: asfalto, saúde, moradia, esporte. Ele reconheceu que não resolveu todos os problemas de Pindamonhangaba, porém demonstrou satisfação em ter triplicado as vagas nas creches, em ter asfaltado bairros inteiros, como exemplo o Castolira, de ter triplicado o orçamento da cidade. Leia abaixo os principais trechos da entrevista.

RF - QUE AVALIAÇÃO O SENHOR DARIA PARA SUA ADMINISTRAÇÃO?

João Ribeiro - A gente tem uma avaliação muito positiva da nossa administração, por diversos motivos. O primeiro deles é que proporcionalmente ao tempo que ficou, esta administração foi a que mais realizou por Pinda. É verdade que não resolvemos todos os problemas, aliás, ninguém resolverá tudo em uma cidade pois ela é dinâmica, cresce diariamente.
     Eu dou uma avaliação de muito boa, por diversas realizações. No campo social, por exemplo, fizemos habitação de qualidade. Quando entramos tínhamos uma unidade da área social, embaixo do viaduto, hoje temo 05 (CRAS) unidades atendendo a população.
     Na saúde ampliamos, e muito, a distribuição de medicamentos. Não tínhamos UTI, hoje a UTI é uma realidade. Pinda tinha somente 14 postos de PSF, hoje passamos de 21.
     No esporte, durante 20 30 anos nós tínhamos só 03 ginásios de esportes: O Vito, a Quadra Coberta, o Juca Moreira. Hoje nós estamos com 06 ginásios de esportes. Um fica dentro do João do Pulo, com o pé direito muito alto para ginástica. Foram 20 anos com 2 piscinas. Uma no Vito e uma no João do Pulo. NÓS FIZEMOS CINCO PISCINAS: Uma de biribol, duas de Hidro-ginástica e duas de competição olímpica. Duas delas estão dentro do João do Pulo.
     Quando falamos em pavimentação posso afirmar que nenhuma administração antes da nossa pavimentou tanto quanto essa. Foram asfaltados: Jardim Regina, Laerte Assunção, dois CDHUs, Cícero Prado e o Arco-Iris, o Castolira, Mombaça, Mariana, Campinas, Changrilá, a duplicação da SP 62. Está para sair a duplicação da Nossa Senhora do Bom Sucesso e a duplicação da Manoel Ribeiro até o final da gestão.          Na área da educação investimos na valorização dos professores. O transporte escolar de Pinda, hoje , é Nota 10. Era bastante deficitário quando entramos, havia criança que não ia a escola por falta de condução, hoje não tem criança sem atendimento do transporte escolar.
     O piso salarial da Prefeitura era o salário mínimo. Fizemos um trabalho de recuperação salarial, e hoje, o piso salarial de Pinda é próximo de R$ 800,00. Pinda é das prefeituras que mais bem paga no Vale do Paraíba.
     Não nos esquecemos do meio ambiente. Plantamos mais de 160.000 árvores. Ate o final do ano            pretendemos ultrapassar a barreira de 200.000 árvores plantadas.
     Triplicamos o número de vagas em creches: Fomos de aproximadamente 600 vagas para quase 1.800 vagas em creche.
   Quando entramos, a Prefeitura estava devendo. Hoje ela não deve nada.
    Na área da educação e cultura, Pinda deu um salto. Antes de nós, Pinda só tinha um projeto Guri. Hoje tem cinco. Trouxemos a FATEC, na nossa primeira gestão, um grande sonho, uma faculdade gratuita, de três anos, levando profissionalismo para a população.
     É uma prestação de contas imensa que nós temos, então, tranquilamente, se nós formos analisar, proporcionalmente, nenhuma administração fez mais do que esta administração.

Prefeito João Ribeiro em seu gabinete: "Pinda tem um
potencial imenso de desenvolvimento".
RF - QUAIS FORAM OS SEUS MAIORES DESAFIOS DURANTE SUA GESTÃO?

João Ribeiro - Os desafios são diários. Não tem um desafio maior ou o desafio menor. Os problemas acontecem um atrás do outro. Resolve um, aparecem dois. Não há paradas. Um grande desafio foi a instalação da UTI, que era um problema para a cidade.
     Dentre essas coisas todas que foram enumeradas, ainda há o desafio da violência; há o desafio de tirar os jovens das drogas através da qualificação profissional.
     O desafio de dar credibilidade para a cidade e assim poder atrair emprego. O orçamento da cidade saiu de cento e poucos milhões e foi para trezentos e cinqüenta milhões, ou seja, 3 vezes mais do que o orçamento do primeiro ano da nossa gestão.
     A cidade é como um mecanismo de um relógio: temos que dar atenção para todas as engrenagens, seja ela pequena ou grande. Posso usar a ilustração do robusto, que está dentro do relógio, que é uma pedra preciosa, mas vale tanto quanto a menor peça do relógio. Da mesma forma, tudo na cidade é importante, desde a acessibilidade que constitui-se na cidade e nos prédios públicos adaptados para os deficientes (Aqui na Prefeitura temos dois elevadores, duas rampas) até à limpeza das caixas de água nas creches.
    Temos um trabalho muito grande em todas as áreas. Quando se fala em creche, por exemplo, encontramos verminose em criança, então temos que melhorar a alimentação, cuidar das crianças. Quando entramos, fizemos um exame parasitológico nas crianças, e a verminose nas creches municipais era de assustar. Hoje não temos isso: cuidamos da alimentação, da limpeza das caixas de água, etc. Isso mostra que tudo na cidade é importante.

RF- COMO SURGEM OS PROJETOS PARA A CIDADE: HÁ UMA EQUIPE QUE DESENVOLVE OS PROJETOS E OS APRESENTA AO SENHOR?

João Ribeiro - É resultado da vivência da gente, do gostar da cidade, de ter um olhar crítico, de ouvir a população. Eu converso muito com as pessoas, com os Vereadores. A gente tem um conhecimento muito grande da cidade. Eu sou uma pessoa muito ansiosa. Eu sofro para resolver problema, cobro muito às pessoas e não tenho muita pausa no trabalho. Me criticam porque estou muito ausente, não faço visita às pessoas, mas é porque eu estou trabalhando, pensando nos problemas da cidade.
     Nós temos uma grande equipe de trabalho que prestou um grande serviço que é reconhecido por todos.

RF - UMA VIRTUDE QUE O SENHOR VALORIZA

João Ribeiro - Virtude são muitas que agente valoriza. Eu acho que a questão da fraternidade, da amizade, da honestidade , todas elas são importantes pois valorizam o indivíduo. Precisamos ser mais fraternos, menos egoístas. É bom a pessoa ser aplicada no que faz, gostar do que faz, procurar melhorar para que ela seja um instrumento para transformar alguma coisa na cidade.

João Ribeiro tem o registro de todas as obras da cidade em
seu computador pessoal. Ele sabe, por exemplo, o que
não foi realizado, o que está sendo feito e o que
já foi concretizado.
RF - DEIXE UMA PALAVRA FINAL PARA A POPULAÇÃO DE PINDA

João Ribeiro - “Pinda tem um potencial imenso de desenvolvimento. Hoje eu vejo a cidade recebendo investimentos em todas as áreas: construção civil, industrial. Há uma siderúrgica vindo para a cidade.Com todo esse pulsar é uma cidade que a gente entrega a administração com o sentido de dever cumprido. A cidade não pode parar. Pra frente é que se anda.”


Por Jornalista e Prof. João Moreno de Souza Filho.

Nenhum comentário:

QUERO COMPRAR O LIVRO DECIFRANDO OS CÓDIGOS DO MAL

Código para o site