terça-feira, 16 de abril de 2013

AD DE MOGI MIRIM INVESTE NO PREPARO DE OBREIROS

Pastor Valdeny Carneiro, Presidente da AD,
Belém, de Mogi Mirim, SP. 
Ontem, na reunião de obreiros na Assembléia de Deus, Belém, em Mogi Mirim, ficou claro a visão ministerial daquela igreja. O pastor Valdeny Carneiro apresentou um filme sobre QUALIDADE TOTAL, e aplicou o tema à igreja.

De acordo com o pastor, todos os crentes, principalmente os obreiros devem:

1) Saber qual é sua missão na igreja e ter comprometimento com ela.
2) Na igreja não deve haver executor de tarefas, mas participantes, pois todos somos responsáveis.
3) A qualidade da ação da igreja depende do comprometimento de todos. Se um falhar, esta falha comprometerá a ação de todos.
4) É necessário agir contra as falhas antes que elas se tornem realidade. ESSA É A AÇÃO PREVENTIVA. Vale, aqui, o provérbio: "devemos cavar o poço antes de sentirmos sede, pois, se cavarmos um poço com sede, morreremos antes de encontrar água."

    O pastor Valdeny e sua esposa Raquel têm investido na assistência social, na preparação de obreiros, através da escola teológica da igreja, em cursos para casais, e têm em mente outros projetos para o fortalecimento da obra de Deus.

Com informação de,

Evangelista e Jornalista João Moreno de Souza Filho.

quarta-feira, 10 de abril de 2013

PROFESSORA MARIA AMÉLIA FALA AO FAROL


foto: JMSF
A professora Maria Amélia Franco de Oliveira Caveanha, primeira dama de Mogi Guaçú, Presidente do Fundo (...) e Diretora do Colégio Seletivo, falou à Revista O FAROL sobre educação e a importância do Psicopedagogo nas escolas públicas. Simpática, como sempre, ela deu a entrevista ao professor e Jornalista João Moreno, após o desfile cívico em comemoração ao aniversário de Mogi Guaçú.

O FAROL -  QUAL É A IMPORTÂNCIA DA PARTICIPAÇÃO DOS PAIS NA EDUCAÇÃO DOS FILHOS?

MARIA AMÉLIA -  É imprescindível. Nós temos que fazer nosso papel de educadores, sem  esquecer que as nossas crianças começam a ser educadas na família. A gente continua esse processo fazendo uma parceria bem sustentada, porque o que a gente pretende, dentro da educação, é vê-las  bem sucedidas. Se elas forem bem educadas, a gente vai vê-las dessa forma. Pitágoras já dizia: “Eduque as crianças e não será preciso puni-las”. A gente tem esse princípio bem agregado às nossas ações de educadores.

O FAROL -  QUAIS SÃO AS AÇÕES QUE A PREFEITURA DE MOGI GUAÇU VISA IMPLEMENTAR NA ÁREA DA EDUCAÇÃO.

MARIA AMÉLIA -  Nós temos mesmo a intenção de ter um empenho muito grande para qualificar essa área, porque a educação é a base de uma gestão pública. Ela é um dos pilares que sustenta a gestão pública.

O FAROL -  QUAL É A IMPORTÂNCIA DA ATUAÇÃO DOS PSICOPEDAGOGOS NAS ESCOLAS PÚBLICAS?

MARIA AMÉLIA -  A gente tem percebido que precisamos desses profissionais para trabalharem juntos com os educadores. Nós temos crianças que precisam desse profissional para que a aprendizagem aconteça de uma forma prazerosa. A educadora, o educador têm um papel, e a psicopedagoga, o psicólogo, o assistente sócia nos ajudam a fazer nosso trabalho da melhor maneira.

MOGI GUAÇU COMEMORA 136 ANOS



No dia 09, nesta terça feira, a população de Mogi Guaçú, SP,  compareceu, em massa, ao desfile cívico em comemoração ao aniversário dos 136 anos de emancipação política da cidade.
Estiveram presentes ao eventos autoridades cívicas, militares e políticas, dente elas o Prefeito da cidade Walter Caveanha e sua esposa Maria Amélia Franco de Oliveira Cavenhanha.
Além do Exército Brasileiro, das polícias militar, civil e da guarda municipal, abrilhantaram o evento escolas da rede municipal que contaram apresentaram, em suas apresentações, a história de Mogi Guaçú e o desenvolvimento educacional da cidade.
Na primeira parte se apresentaram os atiradores do Tiro de Guerra e membros das forças públicas do município e viaturas. Na segunda, desfilaram alunos de Emeis (Escolas Municipais de Educação Infantil), CEIs (Centro de Educação Infantil), Emefs (Escola Municipal de Ensino Fundamental) e Aica (Atendimento Integral à Criança e ao Adolescente).
 No desfile foram  lembrados os 100 anos da Escola “Padre Armani”, o centenário da Santa Casa de Misericórdia e os 92 anos da Corporação Musical “Marcos Vedovello”.
Durante o desfile as bandas  “Marcos Vedovello” e “Santa Terezinha” abrilhantaram a comemoração com execuções e encerraram o desfile, tocando juntas.  
Ao final do evento, o Prefeito WALTER CAVEANHA, em conversa com os maestros das bandas Santa Terezinha e Marco Vedovello, disse que gostaria de ver reunida, juntas, as 3.000 crianças que estudam música em Mogi Guaçú

Abaixo alguns fleches do desfile cívico.

Prefeito Walter Caveanha falando à população.


Adicionar legenda
Prefeito Caveanha falando com os maestros
das bandas Santa Terezinha e Marcos Vedovello.
Banda Santa Terezinha.
 

Da Esquerda para a Direita: Sérgio Maneira, fundador e regente
da banda Santa Terezinha, Prefeito Walter Caveanha e sua
esposa Maria Amélia Caveanha.
 

Banda Santa Terezinha.


QUERO COMPRAR O LIVRO DECIFRANDO OS CÓDIGOS DO MAL

Código para o site